Acorizal: Prefeitura repassa duodécimo de câmara onde presidente é suspeito de desvios

Cumprindo a Constituição Federal nos termos do § 2º do artigo 29-A, que obriga, não faculta, o Poder Executivo transferir até o dia 20 de cada mês o duodécimo do Poder Legislativo, o prefeito Clodoaldo Monteiro (PSDB), fez o repasse referente ao mês de Outubro, a Câmara Municipal de Acorizal.  

 

 

O prefeito Clodoaldo Monteiro, desde que assumiu o executivo municipal em janeiro de 2017, tem priorizado os repasses constitucionais como é do duodécimo da Câmara Municipal, além de estar em dia com os salários dos servidores municipais.

 

A Câmara municipal de Acorizal, já recebeu durante o ano de 2018 R$ 600,000.

 

O presidente da câmara Wellington Gusmão (PSDB), é suspeito de estar desviando recursos da câmara através de notas frias e serviços superfaturado, fontes do site disseram, que o Ministério Publico Estadual, já esta em uma investigação para investigar os supostos desvios.

 

A atual legislatura mesmo recebendo todo esse montante de recursos, para cuidar de 9 vereadores e uma servidora efetiva, esta sendo a menos produtiva da história do município sobe o comando do presidente Wellington Gusmão.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

JOGO DRAMÁTICO: Brasil bate o México e é tetra do sub-17

November 18, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo