• Sérgio Luiz Potrich

DIREITO DE RESPOSTA: WELLINGTON MARQUES GUSMÃO


Valho-me do presente, com referência as matérias lançadas levianamente por esse site de notícias, com os títulos “Presidente da Câmara de Acorizal é suspeito de pagar notas frias” e “Prefeitura repassa duodécimo de câmara onde presidente é suspeito de desvios”, apresentamos nosso sagrado direito de resposta nos seguintes termos: Existe um ditado de “quem cala consente” e não consinto, aceito ou assumo as mentiras que as referidas matérias foram expressas, justamente “querendo” chafurdar o meu nome diante da posição firme, intransigente e honrada que cercam o meu mandato como “fiscal do povo”, sendo tais fatos perpetrados por “forças ocultas”, que jamais conseguirão impedir nossa atuação independente pelo “bem do povo Acorizalense”. Primeiramente, a reportagem “mentiu” quando disse que tentou entrar em contato com este Presidente e, jamais recebi quaisquer telefonemas, contatos e/ou visitas para conferir-me o sagrado direito de resposta. Nenhum funcionário do Poder Legislativo foi contatado durante o expediente. Além disto, estou presente “dia a dia” na sede da Câmara Municipal e jamais entraram em contato comigo. Agiu o “Zero Hora” com irresponsabilidade!! Em referências aos levianos fatos lançados, por uma matéria genérica e sem descrições, causara-me devera surpresa, pergunta-se: qual nota fria foi paga? Onde existe superfaturamento? Mentira! Mentira e mentira! O site quer apenas jogar para a “torcida”, mas haverá uma resposta firme e judicial, para a punição por denunciações caluniosas e crimes de injúria, calúnia e difamação. Os “cães ladram, mas a caravana não pode parar” e a nossa presidência continua firme, sempre pautando pela transparência dos recursos e dentro da Lei de responsabilidade fiscal, com todos os princípios constitucionais que pautam a administração (legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência). Não recebi e/ou fui notificado/intimado de quaisquer denúncias contra a minha pessoa, como já dito, será fortemente combatida judicialmente e com responsabilização dos autores de factoides maliciosos. Que este Poder Legislativo é muito atuante, onde todas as matérias são analisadas com muito zelo por todos os edis, e mais, fizemos a primeira CPI de Acorizal, Representações de Natureza Interna no TCE/MT, Denúncias por malversações no Ministério Público, inúmeros pedidos de informações e indicações, ou seja, estamos cumprindo cabalmente nosso mandato. Desta forma, exijo o meu direito de resposta e que seja feita uma retratação com a maior brevidade possível, sob as penas da lei. 


59 visualizações
Quem Somos | Redação | Contato
  • Zero Hora Notícias

© 2017 por CaradaWeb.com | Todos direitos reservados.