• Redação Zero Hora Noticias

Saúde: Osteosarcopenia: onde ossos, músculos e gordura colidem.


À medida que a população mundial envelhece, a prevalência de doenças crônicas aumenta. Sarcopenia (perda de massa muscular associada a perda de força e/ou função) e Osteoporose são duas condições que estão associadas ao envelhecimento, com fatores de risco similares que incluem genética, função endócrina e fatores mecânicos. Adicionalmente, ossos e músculos interagem um com o outro não apenas anatomicamente, mas também química e metabolicamente.

A infiltração por gordura, um fenômeno relacionado ao processo de envelhecimento ósseo e muscular, é altamente comum e mais grave em sujeitos osteopênSaúde: Osteosarcopenia: onde ossos, músculos e gordura colidem.icos e sarcopênicos. Clinicamente, quando os indivíduos sofrem uma combinação das duas desordens ocorrem desfechos negativos tais como quedas, fraturas, perda de função, fragilidade e aumento da mortalidade, gerando assim elevados custos pessoais e socioeconômicos.

Sarcopenia é uma palavra que precisa ser aprendida assim como hoje quase todo mundo sabe o que é Osteoporose. “Ossos e músculos são igualmente importantes”. A questão é que, como fraturas e dores articulares são mais evidentes, a perda de massa muscular acaba sendo menosprezada”. Além da redução muscular, a diminuição de força e a piora do desempenho físico.

Com o passar dos anos os sintomas aparecem: dificuldade para subir uma escada, sentar e levantar, abaixar e pegar um objeto que caiu no chão… “Se não for contornada, a Sarcopenia prejudica a capacidade de manter as atividades no dia a dia com independência, e chega a estágios em que propicia um maior risco de quedas, causando as fraturas e hospitalizações”.

Desta forma, é sugerido que quando coexiste uma perda da densidade mineral óssea, associada a diminuição da massa muscular, força e função, isto deve ser interpretado como um diagnóstico único de Osteosarcopenia, a qual é prevenível e tratável sempre que diagnosticada de forma precoce.

Realizando intervenções como treinos de força, ingestão dietética adequada de cálcio e proteína, associado a manutenção de níveis adequados de Vitamina D, têm duplo efeito positivo no osso e no músculo, reduzindo quedas, fraturas e, consequentemente, incapacidade física que as vezes se tornam irreversíveis.

O tratamanto é feito de forma multidisciplinar, onde o médico especialista em doenças osteometábolicas realiza a suplementação adequada de cálcio, vitaminas, minerais e prescreve medicações indicadas de forma personalizada para cada caso, onde dependendo do estágio da patologia é possível obter melhora importante da qualidade de vida, chegando até mesmo a cura da doença.

É essencial que esta abordagem de prevenção das fraturas, envolva a avaliação e tratamento tanto da Osteoporose quanto da Sarcopenia. Isto é de particular importância tendo em vista que, em pessoas idosas, a combinação de osteopenia/osteoporose e sarcopenia tem sido proposto como um subconjunto da Síndrome de Fragilidade e os indivíduos portadores desta síndrome estão sob alto risco de hospitalização, quedas e fraturas.

DR. LUIZ FERNANDO G. AMORIM - CRM\MT 6292

ORTOPEDIA/TRAUMATOLGIA/CIRURGIÃO DE QUADRIL E JOELHO

ARÉA DE ATUAÇÃO DOR EM ORTOPEDIA/DOENÇAS OSTEOMETABÓLICAS


0 visualização
Quem Somos | Redação | Contato
  • Zero Hora Notícias

© 2017 por CaradaWeb.com | Todos direitos reservados.